Ano: 2000
– Estreia nacional: 20 de Outubro de 2000


Capa
O Fantasma

País: Portugal
Género: Drama

Realização
João Pedro Rodrigues

Intérpretes
Ricardo Meneses, Beatriz Torcato, Andre Barbosa

Sinopse
Sérgio trabalha na recolha de lixo da cidade de Lisboa. Vive no quarto de uma pensão. A sua rotina afectiva é preenchida por certas aventuras íntimas, uma deriva primária, animalesca, com mulheres, com outros homens e pela amizade recíproca com o Lord, um cão de guarda de um depósito de lixo. Uma colega de trabalho, o capitão de uma equipe de futebol e um polícia que o espreita são as pessoas com quem mais se relaciona.

Certa noite trava conhecimento com um jovem pelo qual se sente atraído. Obcecado, tenta conquistá-lo mas vê-se frustrado nos seus propósitos. Veste-se de látex e o seu procedimento torna-se ainda mais irracional, numa deriva inconsequente motivada por obsessões fetichistas.

Curiosidades
O Fantasma (2000) é um filme português de João Pedro Rodrigues, a sua primeira longa-metragem. Aborda as pulsões afectivas e as obsessões passionais no quadro da relação homossexual, num ambiente urbano degradado (Lisboa).

Pela ousadia do tema, por outras de ordem formal e por momentos de sexo explícito, será dos raros filmes portugueses com boa presença fora de Portugal. Foi considerado como uma das melhores produções no ano 2000 pela revista americana de cinema Film Comment.

Festivais
– Festival de Veneza (2000)
– Globos de Ouro, Portugal: Nomeado para o Globo de Ouro de Melhor Actor (Ricardo Menezes) (2001)
– Festival de Cinema de Belfort (2000)
– 24ª Mostra Internacional de Cinema de S. Paulo (Brasil) – 2000
– Festival de Cine Independente de Buenos Aires (Argentina) – 2003